ETAPA DO MUNDIAL DE SURF EM PIPELINE É SUSPENSA DEVIDO À SURTO DE COVID-19

A 1ª etapa do Circuito Mundial de Surf, o Pipe Masters, foi suspenso nesta sexta-feira devido à uma série de resultados positivos nos testes de Covid-19, entre eles, do CEO da WSL Erik Logan.

O Circuito Mundial de Surf mal acabou de voltar e já está novamente suspenso.

A WSL comunicou na noite desta sexta-feira que o Pipe Masters está suspenso devido à um surto de covid-19 na organização e staffs, inclusive, no CEO da WSL Erik Logan:

"A WSL está comprometida em priorizar a segurança dos atletas, staff e a comunidade", disse parte do comunicado divulgado pela entidade, que indica ainda que os atletas não foram expostos ao vírus.

Depois de cancelar o circuito de 2020, a WSL iniciou a temporada de 2021 em dezembro, com começos turbulentos. A etapa feminina, que teve início na segunda-feira em Maui, já havia sido suspensa na terça, após um ataque de tubarão em Honolua Bay, local do evento. A WSL anunciou que ele não seria mais realizado em Maui, com as fases finais provavelmente sendo transferidas para Pipeline, agora suspensa devido ao surto de covid-19. Em breve mais informações.


Untitled

 Canal Surf Storm ©2020

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon