Lutador de MMA, BJ Penn, relata caso de quase morte em uma piscina de ondas

O lutador havaiano de MMA, BJ Penn, usou seu Instagram para contar o caso, onde quase morreu após um acidente assustador em uma piscina de ondas no ano passado. BJ conta que foi sugado para dentro da casa de máquinas da piscina e sofreu ferimentos no rosto que infeccionaram, além de uma sinusite grave causada pela água suja e pelos machucados.


BJ Penn
BJ Penn | Foto: Reprodução/UFC

O nome da piscina onde ocorreu não foi revelado no relato, nem suas companhias. Mas o lutador contou detalhes do momento assustador, e comparou a situação com os filmes Premunição e Jogos Mortais. "Eu pensei que eu iria morrer, eu fiquei pensando 'não morra, pelos seus filhos'", afirmou.


BJ contou que "estava surfando há mais ou menos uma hora e a fila para pegar a onda começou a aumentar. Eu estava sentado ao lado do dono da piscina de ondas, perto da 'parede' de onde surgem as ondas. A primeira onda que vem é uma marola que serve como aviso para os surfistas se prepararem. A marola voltou e como eu estava muito proximo da parede, ela me engoliu e me empurrou junto com a minha prancha por baixo de um muro gigante de cimento. Eu lembro da sensação de estar sendo sugado por um cano, e naquele momento eu tive medo."


O ex-campeão do UFC conta que foi empurrado para dentro da sala de máquinas da piscina, que enchia de água para formar a onda: "A sala enchia de água, eu prendia minha respiração por um tempo, e depois a sala esvaziava de novo para formar a onda". Enquanto estava lá dentro, BJ bateu contra as paredes de cimento da sala e sofreu vários ferimentos no corpo e no rosto e que todos os machucados que sofreu infeccionaram. Além disso, uma sinusite grave foi causada pelos machucados e pela água do lugar.


Ele conta que manteve a calma pois sabia que um grande amigo e surfista lendário estava do lado de fora e iria salva-lo. E que "se eu não lutasse contra caras fortes a minha vida inteira, eu poderia ter entrado em pânico, mas foi só mais um dia no escritório".


O lutador terminou o post afirmando que pode ter sido a primeira pessoa a ser sugado para dentro de uma sala de máquinas de uma piscina de ondas em funcionamento e sobreviver, e que "não importa o que aconteça na vida e quão assustador é, se eu posso oferecer um conselho eu só diria 'fique calmo'".


Confira o relato completo abaixo (tradução nossa):

"Ano passado quando eu fui sugado para dentro da casa de máquinas de uma piscina de ondas e eu pensei que eu iria morrer, eu fiquei pensando "não morra, pelos seus filhos". Eu estava surfando há mais ou menos uma hora e a fila para pegar a onda começou a aumentar. Eu estava sentado ao lado do dono da piscina de ondas, perto da "parede" de onde surgem as ondas. A primeira onda que vem é uma marola que serve como aviso para os surfistas se prepararem. A marola voltou e como eu estava tão próximo da parede, ela me engoliu e me empurrou junto com a minha prancha por baixo de um muro gigante de cimento. Eu lembro da sensação de estar sendo sugado por um cano, e naquele momento eu tive medo. Eu acabei sendo levado para uma sala grande e escura de cimento, que enche de água para formar a próxima onda da piscina. Eu me senti no filme Premonição ou Jogos Mortais. A sala enchia de água, eu prendia minha respiração por um tempo, e depois a sala esvaziava de novo para formar a onda, e tudo era muito duro lá dentro. Tudo em que eu bati na sala e me machucou ficou infeccionado. Eu tive uma sinusite grave e algumas fraturas na face, por ter batido nas paredes de cimento, e a água suja que entrou em contato com os machucados causou uma sinusite. Eu tomei antibióticos por três semanas por conta do meu rosto. Enquanto eu estava dentro da sala eu sabia que do lado de fora estava um dos meus amigos da Big Island e que ele era um surfista lendário e iria me salvar, então eu mantive a calma. Qualquer outra pessoa poderia ter entrado em pânico e talvez desistido, mas eu me mantive forte pelos meus filhos. Enfim, para resumir: eu sobrevivi aquele ****. O nome das pessoas e do parque não foram citados. Eu não sou o tipo de pessoa que vai até a sua casa para brincar e me machuco, e tento te processar depois, então apenas amor! A todos que me ajudaram a chegar até ali e a sobreviver, obrigada. Talvez eu tenha sido o primeiro cara da história a ser sugado para dentro de uma sala de maquinas de uma piscina de ondas enquanto ela está funcionando, e sobreviver. Mas não importa o que aconteça na vida e quão assustador é, se eu posso oferecer um conselho eu só diria "fique calmo". Se eu não lutasse contra caras fortes a minha vida inteira, eu poderia ter entrado em pânico, mas foi só mais um dia no escritório."

286 visualizações