Medina fora do CT 2022? Após conquistar o tricampeonato, brasileiro pensa em "dar uma pausa" no tour

Em entrevista ao jornal "O Lance", Gabriel Medina contou que precisa parar de pensar um pouco só em competição e pensa em tirar um "ano sabático" e ficar de fora do Circuito Mundial de Surf em 2022

Gabriel Medina fez história e conquistou o tricampeonato mundial de surf em 2021, vencendo a final em Trestles, na Califórnia.

Com o resultado, Medina além de se isolar como o brasileiro com mais títulos na história, conquistando o 3º de 5 títulos mundiais do Brasil, o brasileiro se juntou à diversas lendas do surf, se tornando o 2º surfista em atividade com mais títulos mundiais (atrás somente de Kelly Slater, com 11), o 6º surfista da história com mais vitórias em etapas e se igualou à lendas do esporte, como Andy Irons (HAV) e Tom Curren (AUS) como o 3º com mais títulos mundiais - em 2º do ranking está o também australiano Mark Richards, com 4 títulos e em 1º isolado, o americano Kelly Slater com 11.


Bom, o fato é que a conquista de Gabriel fez o Brasil e o mundo se perguntar: até onde Gabriel Medina pode ir? Poderia alcançar os tão distantes 11 títulos do maior surfista de todos os tempos, Kelly Slater? Ou será que ela vai alcançar (ou ultrapassar) Mark Richards - falta "apenas" mais q título - e se tornar o 2º maior surfista da história? Bom, o fato é que talvez tenhamos que esperar mais um pouco para saber.


Isso porque em uma entrevista ao portal Lance, publicada nesta quinta-feira (16), Gabriel Medina contou que poderá dar uma pausa do circuito mundial de surf em 2022. Segundo a reportagem, o tricampeão mundial de surf disse que, após nunca ter faltado a nenhuma etapa em dez anos no tour mundial, talvez este seja o momento para descansar e tirar um ano sabático.

Preciso parar um pouco de pensar só em competição, porque tudo que eu faço hoje, alimentação, rotina… É tudo focado em competição, para eu estar 100% em todos as disputas. Eu nunca perdi uma etapa. É difícil fazer isso por anos. Acho que chegou o momento em que eu preciso dar uma pausa." - declarou Medina ao portal Lance.

No entanto, o brasileiro disse que não tem pressa para tomar a decisão e que deve definir nas próximas semanas e deixou claro: não se trata de uma aposentadoria, apenas, de uma pausa.

Caso a pausa do campeão mundial se confirme, não será a primeira vez em que um campeão mundial de surf, mesmo no auge, deixa as competições após a conquista de um título. O americano Kelly Slater e os australianos Tom Curren e Mick Fanning são alguns exemplos de campeões mundiais que voltaram a competir após uma pausa e, mesmo assim, voltaram surfando em alto nível conquistando novamente o título de campeão do Circuito Mundial de Surf.


E ai, será que Medina irá tirar o seu "ano sabático"?




201 visualizações