• Fernanda Bahia

WSL ANUNCIA RETORNO: Pipe Masters e Maui Pro reabrem janela a partir dessa quinta-feira

A WSL anunciou, na madrugada desta quinta-feira, o fim da suspensão do Pipe Masters, etapa de abertura do tour mundial. Além disso, anunciou que a etapa feminina, o Maui Pro, volta também para a água, mas em Pipeline, junto com o masculino.

As duas etapas haviam sido suspensas. A etapa feminina foi cancelada por tempo indeterminado, após um incidente com um tubarão, que deixou uma vítima fatal. Já Pipe Masters teve seu primeiro dia de trials e o primeiro round, e depois de alguns dias off, foi suspenso por conta de testes positivos de covid no staff do evento.


A janela do Maui Pro ia até o dia 15 de dezembro, mas faltando apenas uma bateria das quartas de final, as semi-finais e as finais, a WSL decidiu terminar o evento em Pipeline. Será a primeira vez que um campeonato feminino vai acontecer no local, o que pode trazer novas mudanças no CT dos próximos anos.


No masculino, os testes positivos de covid obrigaram a WSL a pararem o evento. O CEO da WSL, Erick Logan também testou positivo e houve um rastreio de um grupo de contágio. Após cinco dias em silêncio, a decisão da liga de voltar a competição foi feita nessa manhã e a próxima chamada é as 14h, no horário de brasília.


"Graças a uma forte tempestade que recentemente se desenvolveu no noroeste do Pacífico, um novo e sólido swell de NOROESTE se moverá para o Havaí na quinta e sexta-feira e, então, empurrado pela mesma tempestade, terá um novo "balanço" mais considerável que chegará no fim de semana.

Na quinta-feira, dia 17, espera-se que um swell sólido de NOROESTE na arena de Pipeline com ondas maiores ocasionais chegando a 8-12 pés ou mais. Também espera-se que as boas condições prevaleçam o dia todo com ventos alísios moderados de leste.


Durante a sexta-feira e o sábado, o swell perderá um pouco de força, mas ainda com ondas sólidas bem acima da cabeça na sexta-feira, especialmente na parte da manhã e, por último, no domingo, dia 20, o último dia da janela do evento, veremos um novo pulso do swell de NW avançando com outra rodada de surf bem acima da cabeça em Pipeline e Backdoor, além dos ventos alísios de leste tentando se estabelecer." - analisou a WSL em vídeo em inglês traduzido pelo Canal Surf Storm.

42 visualizações