WSL e Kelly Slater devem construir Piscina Artifical de Ondas (Surf Ranch) no Brasil - Entenda

Além da Surf Ranch original (Califórnia), a melhor piscina de ondas do mundo tem planos para ser construída em outros 3 lugares: Tóquio, Flórida e São Paulo.

Boatos no mundo do surf indicam que a World Surf League (WSL) vai expandir seus negócios com a Kelly Slater Wave Co, tecnologia responsável pelas ondas do Surf Ranch para vários lugares do mundo. Além da unidade de Tóquio (Japão), já confirmada e em construção (visando os Jogos Olímpicos de 2020, que a princípio não devem rolar na piscina de ondas), a empresa flerta com a opção de construir a piscina na Flórida (terra natal do Kelly Slater) e outra no Brasil, provavelmente na região de Campinas, a apenas uma hora de carro da cidade de São Paulo.

Uma série de rumores levantou a possibilidade da filial brasileira do Surf Ranch ser construída no terreno do atual Hopi Hari. O parque de diversões vem enfrentando sérios problemas econômicos, e chegou a acumular, em 2017, cerca de 700 milhões de reais em dívidas. A WSL teria confirmado a intenção de construir o complexo no interior de São Paulo, a uma distância de no máximo 100 quilômetros da capital paulista. Entretanto, nenhum terreno foi adquirido pela entidade para isso até o momento. Assim como já acontece com o Surf Ranch na Califórnia, a unidade de São Paulo também deve ser aberta ao público, embora a um custo extremamente salgado (confira a matéria da Revista Hardcore).

Atualmente, para surfar na tão sonhada piscina de ondas perfeitas do Kelly, o custo é de mais de 30 mil reais para uma queda de uma hora, algo realmente inviável (seria melhor agendar uma SurfTrip para a Indonésia nesse valor).


Sem dúvidas a expansão da piscina de ondas artificial seria um grande negócio para a WSL e até para o mundo do surf, contando com a evolução nos treinos que isso iria possibilitar no esporte, porém, com essa notícia, surgem várias dúvidas, como:


A WSL pretende criar mais de uma etapa em ondas artificiais? A tecnologia será barateada de alguma forma, de um jeito que será acessível ao público "normal" algum dia? Serão criadas ondas de diferentes estilos das tradicionais "esquerdas e direitas" da piscina do Kelly, com "variações" nas ondas? Questões essas que só o tempo vai responder.


E ai, você curte a ideia das piscinas artificiais de ondas ao redor do mundo?


Autor: João Pedro Braga - Canal Surf Storm -

Fonte: Texto adaptado da Revista Hardcore





208 visualizações
Untitled

 Canal Surf Storm ©2020

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon